Mulher sorrindo
Grafismo opção1.png

ESPECIALISTA PARA TRATAMENTO DE CISTOS

Todos os meses, durante o período fértil, as mulheres desenvolvem cistos nos ovários. Normalmente estes cistos não atingem mais do que 2-3 cm e, com a variação dos níveis hormonais ovarianos, estes cistos tendem a regredir naturalmente.​

Cistos ovarianos de maior tamanho, de aspecto complexo ou diagnosticados nos extremos da idade da mulher devem ser acompanhados com maior atenção, às vezes necessitando de cirurgia.​

TRATAMENTOS DE CISTOS OVARIANOS

Ooforoplastia

Também conhecida como plástica no ovário. Refere-se à cirurgia que retira somente o cisto. É reservada aos casos de cistos benignos, hemorrágicos, de endometriose e cistos chamados de Borderline.

Ooforectomia

É a retirada completa do ovário. É reservada para dois casos principalmente: 1. casos em que o tecido do ovário já foi substituído quase que completamente pelo cisto, não restando material viável para preservação e 2. casos em que exista a suspeita de malignidade e a rotura do cisto poderia ser prejudicial.

É importante ressaltar: o diagnóstico definitivo somente é fornecido pelo patologista com a avaliação da peça cirúrgica retirada e avaliada em parafina. Se na avaliação final o material retirado for confirmado como maligno faz-se necessária a reabordagem cirúrgica para complementação cirúrgica oncológica.

cistoovariano.png