AGENDE SUA CONSULTA PARTICULAR / REEMBOLSO

Consultório no Itaim Bibi

Rua Joaquim Floriano 466 Cj. 603

Itaim Bibi - São Paulo - SP

11 3074-2150

Consultório em Perdizes

Rua Ministro Godói, 478 Cj. 33

Perdizes - São Paulo - SP

11 3865-0312

Excelência exige sensibilidade

  • Preto Ícone Instagram
  • Preto Ícone YouTube
  • Preto Ícone LinkedIn

1/1

Currículo do Dr. Rodrigo

Graduado em Medicina pela Universidade Metropolitana de Santos 


Especialista em Ginecologia e Obstetrícia pela Santa Casa de São Paulo com certificação pela Federação Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia – FEBRASGO


Especialista em Endoscopia Ginecológica, Laparoscopia, Histeroscopia e Endometriose pela Santa Casa de São Paulo com certificação pela Federação Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia – FEBRASGO

Fellowship em cirurgia minimamente invasiva e endometriose pela Universidade de Strasbourg, França e pelo IRCAD Strasbourg

Tutor da Academia Européia de cirurgia minimamente invasiva.

 

Professor dos cursos de Anatomia pélvica laparoscópica do IRCAD de Strasbourg e dos cursos de Endometriose, Ginecologia e Oncologia pélvica do IRCAD Brasil

Assistente do Serviço de Oncologia Ginecológica do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo - Departamento de Obstetrícia e Ginecologia da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo

1/1

NÃO ACEITAMOS CONVÊNIOS

Dr. Rodrigo Fernandes - CRM 130.684

FALE CONOSCO

Especialista no Tratamento de

Cistos Ovarianos

O que são Cistos no Ovário?

Todos os meses, durante o período fértil, as mulheres desenvolvem cistos nos ovários. Normalmente estes cistos não atingem mais do que 2-3 cm e, com a variação dos níveis hormonais ovarianos, estes cistos tendem a regredir naturalmente.​

Cistos ovarianos de maior tamanho, de aspecto complexo ou diagnosticados nos extremos da idade da mulher devem ser acompanhados com maior atenção, às vezes necessitando de cirurgia.​

 

Com qual cisto tenho que me preocupar?

Regra básica: nunca deixe de ter uma avaliação de seu médico.

Cistos simples de até 5-6cm de comprimento podem involuir em alguns meses e podem ser acompanhados com ultrassonografia sem necessidade de cirurgia.

 

Cistos complexos em qualquer idade e cistos persistentes após a menopausa são incomuns e podem representar algo mais sério, aumentando as chances de uma cirurgia.

O que são Marcadores Tumorais?

Outro aspecto na avaliação de cistos ovarianos suspeitos é dosagem dos marcadores tumorais. Nada mais são do que proteínas produzidas pelos cistos que podem ser dosadas no sangue.

 

Diferentes tipos de cistos podem apresentar diferentes tipos de marcadores. Vale ressaltar que um marcador pode estar aumentado por inúmeras causas e, sendo assim, não pode ser interpretado isoladamente.

 

Na presença de marcadores elevados, eleva-se também a suspeita sobre o comportamento do cisto.

Cirurgia dos Cistos Ovarianos

Ooforoplastia

Também conhecida como plástica no ovário. Refere-se à cirurgia que retira somente o cisto. É reservada aos casos de cistos benignos, hemorrágicos, de endometriose e cistos chamados de Borderline.

Ooforectomia

É a retirada completa do ovário. É reservada para dois casos principalmente:

  • casos em que o tecido do ovário já foi substituído quase que completamente pelo cisto, não restando material viável para preservação.

  • casos em que exista a suspeita de malignidade e a rotura do cisto poderia ser prejudicial.

É importante ressaltar: o diagnóstico definitivo somente é fornecido pelo patologista com a avaliação da peça cirúrgica retirada e avaliada em parafina. Se na avaliação final o material retirado for confirmado como maligno faz-se necessária a reabordagem cirúrgica para complementação cirúrgica oncológica.

Excelência exige sensibilidade

Ter um cisto importante no útero e precisar de uma cirurgia para removê-lo pode ser motivo de grande preocupação para a mulher. É preciso buscar o tratamento médico adequado, com um profissional experiente que lhes dê atenção adequada! 

A escolha do melhor tratamento para Cistos Uterinos deve ser individualizada. Dr. Rodrigo busca primeiro compreender as ansiedades e expectativas da mulher, esclarecendo as vantagens e desvantagens de cada tratamento com bases científicas e ajudando na tomada de decisão, levando em consideração os sintomas, a localização e o tamanho dos cistos uterinos.